O que eu aprendi com 2016.

Eu aprendi com o ano de 2016, que a gente (quase sempre) deseja “Feliz Ano Novo” de graça, por educação – pelo menos ainda sobra educação nessas épocas nesse mundão louco (ou não). Mas as vezes, a gente quer realmente que aquela pessoa tenha um ano novo; que seja diferente, principalmente quando sabemos que o ano não foi bom pra ela, por vários motivos. Então, a gente deseja.

Mas o que eu aprendi com 2016, é que, o próximo ano vai ser o que ele tiver que ser independente da palavras que soltamos de graça. O ano sempre vai nos surpreender, seja pra algo bom, ou ruim. Ele tem “vida própria” e ele vai ser o que ele quiser, ou tiver que ser.

O negócio é  gente aprender a ser feliz.
E pra ser feliz, não precisa necessariamente estar sorrindo.Só ser.

Feliz 2017.

Anúncios

Tags: , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: