A noite em que ela me fez sorrir.

Quem eu sempre esperei neste Farol, não espero mais.

Ela chegou.
Enfim chegou.
Ela veio com um passo de cada vez. Sereno, sem pressa, só esperando os últimos segundos para chegar no tempo certo.
Pegou em minhas mãos, olhou nos meus olhos e sorriu.
Saímos do Farol.
Ela parou a primeira pessoa que passava pela rua entre a gente, e disse:

Eu amo esse cara – e apontou para mim – depois continuou andando me puxando pelas mãos.

Parei,
sorri
e a amei mais do que eu, naquela noite.

Anúncios

Tags: , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: